UTIs entram em colapso na região e Aeroporto de Guanambi tem movimento intenso

UTIs entram em colapso na região e Aeroporto de Guanambi tem movimento intenso

Uma cena rara aconteceu na tarde desta sexta-feira (26/02), no Aeroporto de Guanambi Isaac Moura Rocha. Três unidades aéreas de UTI aguardavam ordem para decolar com pacientes graves para serem transferidos para outros estados. Um dos pacientes foi para a cidade de Barreiras, um outro para Belo Horizonte e um terceiro ainda aguarda a vaga ser disponibilizada pela Secretaria Estadual de Saúde. Os leitos de UTI de Vitória da Conquista, unidade de referência da nossa região atingiu 100% de ocupação.
Enquanto famílias desesperadas aguardavam as transferências, parentes e amigos aflitos se emocionavam com a situação vivida. “A cena que vi aqui marcará a minha vida, foi chocante ver o desespero das pessoas, enquanto seus familiares eram embarcados para cidades distantes”, se emocionou um funcionário do local.
Diante da gravidade e colapso do sistema de saúde, diversas cidades do país e estados da federação estão adotando medidas mais severas contra a propagação da Covid-19. A Prefeitura de Guanambi irá adotar medidas mais firmes, diante do colapso dos leitos de UTI, clínico e de semi-intensiva na região e em toda Bahia, a partir da próxima segunda-feira (1). O Pronto Atendimento Covid de Guanambi bateu recordes seguidos nesta semana, com média de 70 (setenta) pessoas diariamente sendo atendidas.
O Hospital Municipal de Guanambi com leitos de semi-intensiva, teve 100% de ocupação, mesmo após o aumento dos leitos. Os leitos de UTI de Salvador atingiram a marca de 84%, o que levou o Governo do Estado a restringir a locomoção das 20h às 05h, desta sexta (26) até 01 de março de 2021, em todo o território do Estado da Bahia. (Vinny Publicidade com foto - divulgação/Assessoria de Comunicação de Guanambi).

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem