Mudas de palma garantem segurança alimentar do rebanho na Chapada Diamantina

Mudas de palma garantem segurança alimentar do rebanho na Chapada Diamantina

O cultivo da palma forrageira no Semiárido Baiano vem garantido a segurança alimentar do rebanho de agricultores e agricultoras familiares. Por meio do Projeto de Segurança Alimentar do Rebanho da Agricultura Familiar, do Governo do Estado, são distribuídas mudas de palmas, resistentes à praga cochonilha do carmim, destinadas à implantação de reserva estratégica de alimentos para o rebanho de caprino, ovino ou bovino de leite.
Só no período de 27 de janeiro de 2021 a 01 de fevereiro de 2021, foram entregues 100 mil mudas de palma forrageira doce ou miúda, beneficiando 100 famílias agricultoras dos municípios de Jacobina, Andorinha e Santanópolis, territórios Piemonte da Diamantina, Piemonte Norte do Itapicuru e Portal do Sertão. Ainda em fevereiro, estão sendo beneficiadas famílias dos municípios de Bonito, Morro do Chapéu e Serra Dourada, Riacho de Santana e Rio do Pires.
O objetivo é proporcionar a agricultores e agricultoras familiares, povos e comunidades tradicionais a reserva estratégica para a alimentação do rebanho bovino, caprino e ovino, principalmente em períodos de longa estiagem. Os beneficiários das entregas recebem ainda capacitação sobre o cultivo intensivo de palma forrageira.
Em 2020, mesmo com as restrições causadas pela pandemia, foram distribuídos 3,5 milhões de mudas, com investimento R$1,6 milhão. A ação é executada pela Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural (SDR), por meio da Superintendência da Agricultura Familiar (Suaf), com o apoio da Superintendência Baiana de Assistência Técnica e Extensão Rural (Bahiater) e da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), em parceria com prefeituras municipais, associações e cooperativas ligadas à agricultura familiar.
As mudas distribuídas em 2021 são provenientes da Estação Experimental da SDR, localizada em Utinga, a partir de convênio SDR/Suaf e a Cooperativa Agropecuária da Chapada Diamantina (Coapechad), responsável pela produção.
Para acessar essa política pública, os interessados devem buscar o Sistema de Solicitação de Mudas e Sementes – SSMS, no endereço eletrônico: www.portalsdr.ba.gov.br/ssms/, por meio das prefeituras e organizações representativas da agricultura familiar. (Vinny Publicidade com foto - divulgação - SDR/BA).

Postar um comentário

Próxima Postagem Postagem Anterior