Anúncio Top


Mucugê registra primeiro caso suspeito de Coronavírus

Mucugê registra suspeito de Coronavírus
A Secretaria Municipal de Saúde de Mucugê, região da Chapada Diamantina - BA, através da Comissão Técnica instituída para enfrentamento ao Novo Coronavírus (Covid-19), informa que existe um caso suspeito de Covid-19 no município. Trata-se de uma paciente, criança, com histórico de retorno de viagem realizada ao estado de São Paulo, apresentado manifestações clínicas compatíveis com a pandemia. Equipe de saúde já esteve na residência, realizado avaliação médica, coleta para testagem e orientações de quarentena. O caso segue sendo monitorado por toda equipe, de acordo todas às medidas definidas, em protocolos, pelo Ministério da Saúde e notificado em sistema, conforme instruções. É imprescindível que toda população siga às orientações de profilaxia sem pânico nem terrorismo, tais como: Lavagem correta das mãos com água e sabão, frequentemente; Higienização das mãos com álcool em gel 70%; Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não higienizadas; Cobrir o nariz e a boca ao espirrar e/ou tossir; manter os ambientes bem ventilados; Não compartilhar objetos pessoais, como talheres e copos; Evitar contato com pessoas que estejam com sintomas de gripe e evitar aglomerações. Coronavírus na Bahia O Laboratório de Saúde Pública do Estado da Bahia (Lacen) confirmou o diagnóstico de três novos casos do novo coronavírus (Covid-19) na manhã desta quinta-feira (19/03). O resultado foi divulgado pelo secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fabio Vilas-Boas, durante transmissão ao vivo que realizou no Youtube, no link: https://www.youtube.com/watch?v=yoBxYQfKHlo. No total, a Bahia contabiliza 30 casos, sendo nos municípios de Salvador (18), Feira de Santana (5), Porto Seguro (4), Lauro de Freitas (2) e Prado (1). De janeiro até às 14 horas desta quinta-feira (19), a Bahia registrou 998 casos notificados com suspeita clínica de infecção pelo novo coronavírus. Destes, 30 foram confirmados, 443 foram descartados e 525 aguardam análise laboratorial. De acordo com o secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, “as equipes da vigilância estadual e municipais estão trabalhando ao máximo para reduzir a velocidade de novos casos e até o momento, a cadeia de transmissão está identificada”, afirma. OS números são dinâmicos e na medida em que as investigações clínicas e epidemiológicas avançam, os casos são reavaliados, sendo passíveis de reenquadramento na sua classificação. Um novo boletim, com dados atualizados, será divulgado hoje (19). (Vinny Publicidade com foto - divulgação).