Cabeçalho

Destaque

segunda-feira, 28 de janeiro de 2019

O sol como aliado nos negócios

O sol como aliado
Foi regulamentado pela ANEEL em 2012 e atualizado em 2016 o sistema de geração de créditos para micro e mini-geração de energia através de fontes renováveis. A partir deste sistema, a cada kWh gerado em excesso pelo seu sistema solar fotovoltaico, você recebe 1 crédito de kWh para ser consumido num prazo de até 60 meses. Com o sistema fotovoltaico on grid (sistema de geração de energia solar conectado à rede da concessionária), sua empresa pode obter diversos benefícios, para isso é apenas necessário dispor de espaço no telhado, cobertura de garagem ou terreno do imóvel.
O sol como aliado
A luz solar reage com as placas solares e se transforma em energia elétrica. O inversor faz a transformação da energia, deixando-a pronta para uso imediato pelos equipamentos e máquinas instalados no imóvel, sejam eles de qualquer potência. O excedente gerado é enviado para a rede da concessionária e transformado em créditos para uso durante a noite ou em períodos de menor produção de energia solar. Os projetos de energia solar fotovoltaica são elaborados para gerar a economia máxima (geração própria de todo o consumo médio do imóvel) ou uma economia pré-determinada (geração mensal de “X” Kwh por mês que serão abatidos na conta).

Como a energia solar pode ajudar a sua empresa? Estabilidade no fluxo de caixa: sua conta de luz vira um custo fixo planejado e sua empresa fica livre das variações das concessionárias. Ganho de competitividade: com os custos com energia controlados, sua empresa se torna mais competitiva diante dos concorrentes. Valorização da sua marca através da sustentabilidade ambiental: Seus produtos e serviços utilizarão energia limpa, reduzindo a emissão de CO2 na atmosfera. Desta forma pode posicionar seu negócio como uma marca sustentável, líder ambiental. Os seus clientes, colaboradores, fornecedores, acionistas e vizinhos saberão do seu compromisso corporativo com o meio ambiente e para com a sua comunidade local. Reconhecimento através de Selos e Certificações: é possível obter documentos que respaldam e identificam as empresas que hoje já apostam na energia solar e na sustentabilidade ambiental. Redução de pagamento de impostos: quase metade da sua conta de luz é constituída de tarifas e impostos. Com o autoconsumo, é possível zerá-los.

Situação energética do Brasil e incentivos governamentais O Brasil vem enfrentando uma crise energética, o que ocasionou a busca por novas alternativas para geração de energia. Temos um potencial solar bastante significativo, nossa localização se encontra dentro do cinturão solar com maior intensidade no período de seca, quando temos geração hídrica menor. Desta forma, os sistemas de geração de energia hidroelétrica e fotovoltaica são significativamente complementares. Observando este quadro, o governo vem incentivando e regulamentando a micro e minigeração de energia elétrica de origem renovável, com ampliações constantes das condições de uso. No último dia 06 de dezembro, o ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, assinou portaria, criando o Programa de Desenvolvimento da Geração Distribuída de Energia Elétrica (ProGD), um programa Governamental para incentivo a geração de energia no mesmo local onde é consumida.

Acesso ao crédito Desde outubro, o Banco do Nordeste, elencou a energia solar como foco para investimento, através do FNE SOL, visando adequar-se à convenção internacional de combate ao efeito estufa e como forma de incentivar a diversificação da matriz energética brasileira. O FNE Sol é destinado a empresas de todos os portes e setores, produtores e empresas rurais, cooperativas e associações. Podem ser financiados sistemas fotovoltaicos completos, incluindo instalação.
Com a implantação de um sistema fotovoltaico, a empresa é beneficiada porque consome energia renovável e limpa, além de obter ganho financeiro. Inicialmente, o custo é neutro: o financiamento é compensado pela redução do consumo de energia tradicional e, com o passar do tempo, as prestações vão se reduzindo até a quitação. O prazo concedido para o financiamento é de até 12 anos com carência de 6 a 12 meses para início da amortização. Os pagamentos são em parcelas mensais compatíveis com o valor estimado da redução da conta de energia do cliente. A grande vantagem é que após a instalação do sistema, a redução na conta é imediata, a produção de energia das placas é de no mínimo 25 anos e que o próprio sistema pode ser utilizado para garantir do financiamento, não sendo necessário disponibilizar outro bem para acessar a linha de crédito. Ganhe competitividade e inclua a solução fotovoltaica no planejamento da sua empresa. Solicite um orçamento para o seu negócio.
Telefone da Irradiar

Postagens mais visitadas

VINNY PUBLICIDADE © 2013 - 2019. Todos os direitos reservados.
Criado por: Vinícius Silva/Vinny Publicidade.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo