Cabeçalho

Destaque

quarta-feira, 13 de julho de 2016

Ituaçu: Trabalhadores demitidos de fábrica de cimento acusam empresa de não pagar direitos

Depois da demissão de mais de 200 pessoas, funcionários da fábrica de cimento Itaguarana, em Ituaçu, realizaram um protesto. Eles alegam que foram desligados sem aviso prévio e estão com três meses de salários atrasados. Além disso, os trabalhadores demitidos afirmam que não receberam os direitos trabalhistas como FGTS, rescisão e seguro desemprego.  Segundo informações do G1, as demissões equivalem à metade do total de empregados da empresa, que empregava moradores de três cidades da região: Ituaçu, Barra da Estiva e Tanhaçu. A fábrica, através do setor jurídico, informou que não se pronunciará sobre as demissões. As demissões já afetam o comércio. Um mercado de Ituaçu estima prejuízo de cerca de R$ 40 mil nos últimos três meses. (Foto: Reprodução).

Postagens mais visitadas

VINNY PUBLICIDADE © 2013 - 2019. Todos os direitos reservados.
Criado por: Vinícius Silva/Vinny Publicidade.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo